29 de jul de 2009

A Vinda (História em Vermelho: Parte 10)

Ela está vindo, cruzando estradas e tormentos, cruzando ventos e sofrimentos para vir me abraçar. Sentir-se segura nos meus braços, agrados sagrados de um amor. Tão fácil sorrir ao ver seus cabelos vermelhos, seu sorriso sincero e seu toque sútil. O coração bate rápido, nervosismo, ansiedade, eu acalmo meu peito com o seu cheiro, eu te abraço e te vejo e te beijo e te desejo. Você está aqui, aqui onde nossos braços se encontram, onde nossos lábios se beijam e nossos corpos se amam, você está aqui e faço aqui a sua casa, o seu lugar. Não há mais uma meia-luz atrapalhando meus olhos te vejo inteira, te devoro com os olhos e com as mãos, sua pele é meu colchão, meu coração... Meu céu... meu céu é estar entre seus anseios, seus seios, seus devaneios. Marca em minha pele a sua unha, a minha pele sua, marca em meus lábios sua mordida, em mim, marque-se em mim. Deixe em mim o seu cheiro, na minha boca o seu gosto, na minha pele o seu toque, no meus ouvidos a sua voz, deixe-se em mim. Assim somos feitos, peças de um quebra-cabeças, somos peças, peças de um mundo incompleto, mas que parece completo quando dividimos nossa cama em um sono tranquilo. Tudo poderia acabar ali, enquanto você dormia nos meus braços, tão linda... Mas se acabasse não teria mais minhas retinas grudadas no seu sorriso, não teria minha mão na sua mão, não teria mais mundo, não teria mais nada. Estranhamente quero que tudo continue, que os carros continuem a andar, que as águas continuem a molhar e que tudo continue a girar, eu faço sala pro tempo, tendo certeza de que desejo ele ao nosso lado, o tempo... O tempo que nos fez felizes, o tempo que nos fez completos, o tempo que nos faz eternos. "E foi tanta felicidade que toda cidade se iluminou E foram tantos beijos loucos, tantos gritos roucos como não se ouvia mais. Que o mundo compreendeu E o dia amanheceu...Em paz." Quero logo te ver, sem querer que o tempo passe, querer eternizar cada momento, cada palavra, cada sentimento, cada sussurro, cada sorriso, cada gemido, cada ganido, cada um de nós somos nós.

O tempo...É nosso.

Poesia Vista

A Chuva é...

Sozinho, aprendi que o escuro esconde as lágrimas

O céu e o mar... retrato da solidão ou da completude?

Aviseco

Bom, hoje vou começar outro marcador aqui no Semeado. Chama-se Visão Poética e são simplesmente belas imagens, vou postar 3 cada vez e tentar comentar algo útil sobre elas.
Espero que gostem! \o/

Verso é Prosa Nesse Samba


Esse Samba é Você (Possivel Série: "Músicalogia")
Alexandre Ferreira (AlxSeth)

Eu faço um samba
Eu crio um drama
Canto e danço
Seco os olhos e o suor
Você só me vê dançar

Faço um samba de paixão
Faço samba e amor
Faço tempo onde não há
Sinto braços a me agarrar
Você vem pra dançar?

Fiz um dia bossa nova
Dediquei prosa a você
Criei versos em seu nome
Agora esse samba soa insone
Pra você... pra você...

Tento ser o que não sou
Um compositor de soul
Mas me resta sempre o samba
Samba que ninguém samba
A não ser você.

Verso é prosa nesse samba
Poesia é vida nessa dança
Amor é sangue nesse peito
Chuva é sol nesse mundo
E isso é só pra você.

28 de jul de 2009

Somos Nós dois tão completos Um


Acróstico Pra Pétala
Alexandre Ferreira (AlxSeth)

Voei pra longe de tudo,
Abracei seu corpo no escuro,
Sorri sozinho em silêncio.
O Vermelho dentro do peito
Serenamente completa tudo.

Deixo o mundo,
Esqueço os problemas.

Faço você minha casa.
Lanço meus olhos aos seus,
Ostento amor no olhar,
Raro momento perfeito.
Estás aqui ao meu lado,
Sozinhos em um mundo desfeito.

Vi milagres ardentes
Entre seu corpo nu.
Remei por mares novos,
Melhores ventos sopram agora.
Estou caindo e voltando a subir,
Levo seus olhos no peito.
Há de ter um futuro no destino,
Assim como há de ter amor eterno,
Somos Nós dois tão completos Um

Poderíamos Pegar Nossas Malas e Dizer Adeus


Fly Away From Here
Aerosmith (Letra Original em Inglês)

Tenho que achar um jeito.
É, eu não posso esperar um outro dia.
Nada irá mudar
Se nós ficarmos por aqui.
Eu tenho de fazer o que é necessário
Porque está tudo em nossas mãos.
Nós todos cometemos erros,
É,mas nunca é tarde demais para começar de novo.
Respire fundo outra vez
E faça uma nova oração.

Daí voe pra longe daqui.
Para qualquer lugar.
É, eu não me importo
Se nós só voarmos pra longe daqui.
Nossas esperanças e sonhos
Estão fora daqui, em algum lugar.
Não vamos deixar o tempo nos passar.
Nós só voaremos.

Se esta vida
Ficar mais dura agora,
Não se preocupe,
Você me tem ao seu lado.
E a qualquer momento que você queira, (voe, voe, voe)
Nós pegamos um trem
E encontramos um lugar melhor.
Porque nós não vamos deixar nada
Nem ninguém nos desanimar.
Talvez você e eu
Poderíamos pegar nossas malas e atingir o céu.

Daí voe pra longe daqui
Para qualquer lugar
É, eu não me importo
Se nós só voarmos pra longe daqui
Nossas esperanças e sonhos
Estão fora daqui, em algum lugar.
Não vamos deixar o tempo nos passar
Nós só voaremos

Você não vê um céu mais azul agora?
Você poderia ter uma condução melhor agora.
Abra os seus olhos.

Porque ninguém aqui pode se quer nos conter
Eles podem até tentar mas nós não vamos deixá-los
De modo algum.

Talvez você e eu
Poderíamos pegar nossas malas e dizer adeus.

Daí voe pra longe daqui
Para qualquer lugar
É, eu não ligo
Se nós só voarmos pra longe daqui
Nossas esperanças e sonhos
Estão fora daqui, em algum lugar.
Não vamos deixar o tempo nos passar
Nós só voaremos
Nós já voamos

Citação do Dia

"O amor tem suas razões, que a lógica não compreende, como o destino tem as suas ironias, que a razão não explica."

Artur Orlando (Adovago, jornalista, critico literário brasileiro)

17 de jul de 2009

O Agora (História em Vermelho: Parte 9)


Então ela me liga, me acorda, me faz sorrir assim que o dia começa. Eu a vejo sumir por ai, secando as lágrimas nos olhos, sentindo-se sozinha em todo lugar, eu me vejo nela e eu tenho tanta vontade de acabar com o que ela é. A rapidez do que sentimos é assustadoramente doce, incrivelmente sincera. Ela me sorri e eu sorrio de volta, dois antigos pierrôs agora tão sorridentes humanos. Eu a estou vendo, ela sai, eu tento me distrair e não consigo, ela liga e diz que está tudo feito. Um sorriso se forma em meu rosto e eu estou tão feliz! Agora finalmente Minha, Minha doce vermelha, Minha perfeita menina-mulher, Minha, como soa bem essa palavra, soa aqui, soa agora, não distante como antes. Ela sorri e eu rezo pra ser o sorriso mais sincero da vida dela, pois o sorriso tatuado em meu rosto o é. Sim, é Amor, essa sensação que eu sinto de ternura a invadir meu coração, essa imensa paz que eu sinto me envolver, é o abraço dela que me abraça sincera e tão calorosa mesmo estando ela distante. O vermelho dela coloriu o que era preto e branco no meu céu, o céu é vermelho, como os cabelos dela, o céu é multi-colorido, o céu é o lugar pra onde a levarei. quero, Sim, ser pra você tudo o que alguém pode ser pra outrém, quero nos seus braços dormir, nos seus ouvidos cantar e nos seus olhos sorrir, no seu coração bater e no seu corpo tocar, quero ser, quero que você, Sim, seja tudo isso pra mim e posso dizer, Sim, você está em tudo. "E aqui dentro de mim você demora; Já tornou-se parte mesmo do meu ser. E agora em qualquer parte, a qualquer hora, quando eu fecho os olhos vejo só você." Me faltam as palavras, me fogem as idéias, ela é tão presente que embaraça a mente e desdefine as palavras, todas tão poucas pra expressar o que é tudo isso. Mas O Agora é Eu E Você, Juntos pro futuro viver, agora somos Nós dois contra o mundo, contra qualquer onda que vier, contra qualquer vento que soprar. Você É Minha e Somente Minha. E Sou Seu, Somente Seu, Sim...

"E cada um de Nós é um a sós e uma só pessoa somos Nós..."

15 de jul de 2009

Pequeno Aviso

Como perceberam hoje se formou mais uma Série aqui no Semeado. A primeira Série a estrear foi a série História em Vermelho. Que é escrita por mim sobre o que tem se passado na minha vida atualmente com uma mulher perfeita que encontrei. Hoje eu postei a segunda parte da série Visão Vermelha que é escrita por essa mulher perfeita. As duas séries tratam do mesmo assunto, a situação pela qual estamos passando, então elas vão se "completando" e mostrando o ponto de vista de ambos nisso tudo, sempre utilizando o método do "Diário Incerto". Red Zeita é o nick dela e vamos escrever até quando isso durar. É isso, o talento dela aparecerá muitas vezes aqui pelo Semeado, acostumem-se e apreciem!

Eu Mando Seu Nome Pra Cima do Céu


My Eletricity
The Gathering (Letra Original em Inglês)

Eu mando seu nome pra cima do céu
E o vento sopra-o de volta ao meu rosto

Você vê, até a natureza reage em mim
E toda minha eletricidade vai me deixar sobre seu mar

Com todas as ondas o mar faz meu corpo
Ficar frágil, e frágil, e frágil...

Você vê, até a natureza reage em mim
E toda minha eletricidade vai me deixar sobre seu mar

E eu te abasteço com o meu amor...

Citação do Dia

"Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinho, Há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas!"

Machado de Assis (Poeta, Romancista brasileiro)

13 de jul de 2009

A Espera (História em Vermelho: Parte 8)


Nada novo no Front, está tudo parado, nenhuma novidade, nenhuma superação, nenhuma decisão, nenhum avanço. Vejo os dias passarem, duas semanas pra descansar os ossos, os olhos, a cabeça. "Isso vai trazer todas as respostas que precisa" Erro meu, trouxeram apenas ainda mais dúvidas, ainda mais complicações e confusões. Viver como um azarado cansa mas "ria e o mundo rirá com você, chore e chorará sozinho". Venho rindo há algum tempo, guardando no bolso do meu paletó os gritos que eu queria dar e os nós da minha garganta, sinto tudo de verdade, mostro tudo de verdade, mas me sinto um ator inútil, me sinto preso naquela mesma cama de hospital. Quero provar o que sou, o que posso, o que tenho, mas não sei por onde começar, então se erguem as verdades na música e cantam sobre a espera, a espera que eu tenho de esperar passar. "Pedro pedreiro penseiro esperando o trem/Manhã parece, carece de esperar também/Para o bem de quem tem bem de quem não tem vintém/Pedro pedreiro fica assim pensando/Assim pensando o tempo passa e a gente vai ficando prá trás". Alexandre, um velho jovem que busca a paz de espirito, um velho jovem que morre jovialmente velho. Alexandre, aquele caido no poço de sangue, bebericando o amor em copos de pinga. Embriagando-se com tanta beleza. As Vezes eu vejo o mundo dar voltas, e voltar pro mesmo lugar, tudo é um circulo gigante, a linha de chegada é a linha de partida. Ela quer ser forte e não o é, ela quer tudo mas não sabe chegar. Aonde nós vamos chegar? Sinto cada vez mais o coração dela perto do meu, mas e o seu corpo onde se escondeu? Troquei os lençóis da minha cama mas a minha sujeira ainda está lá marcada, o sal dos meus lamentos de espera. Espera que não cerra, espera... Essa espera que eu pretendo matar, enquanto ela espera tudo se ajeitar. Uma canção sobre as flores que crescem e os sinos que tocam, uma canção sobre a nuvens que correm e o rio que secou. Uma canção, uma canção que está para ser cantada.

Um texto confuso de quem tem sido acompanhado pela confusão. Um texto de espera por quem espera apenas uma... uma decisão.

Mais uma Pesquisa :B


A Thampes mais uma vez me colocando nisso e pedindo preu não reclamar e eu não vou reclamar. :B

Rapidinhas. Tente responder com sinceridade

Nome completo: Alexandre Ferreira Antonio Foderonicus Supremus
Idade: 19 longos anos
Sexo: De vez em quando
Relacionamento: Todo Estranho

5 músicas que não saem da sua cabeça no momento:

Slow Hands - Interpol
Ela Faz Cinema - Chico Buarque
As Atrizes - Chico Buarque
Pratododia - Teatro Mágico
Sheep Go To Heaven - Cake

Quando não está no pc, nem estudando, nem dormindo, o que faz?

Filmes, Livros, Banhos, Amigos

No claro ou no escuro?

No claro, claro!!!!! Apesar de que andaram me obrigando a meia-luz.

Um vídeo que vc recomenda no youtube:


Um clipe:

The Editors - The Smokers Outside The Hospital Doors

O que você acha do sexo na terceira idade?

As minhas parceiras (que estão na terceira idade) gostam :B

Um grande sonho:


Um sonho de consumo:

Uma asiática e uma Ruiva

Último sonho que você teve:

Morria com dois tiros no peito \o/

Se você fosse um animal qual seria?

Uma Águia ou um humano de novo

Música autobiográfica:


Seriado de TV:
Heroes!!!!

Se tivesse poderes mágicos o que faria?
Regeneração e não sentir dor

Não responda "depende" nem "os dois".
Sair pra dançar/beber/se drogar/conversar ou chamar a galera pra um cine em casa?

Cinema em casa \o/

Frio ou calor?
Frio! *_*

Bebida alcoolica, refri ou suco?
Tubaina! \o/

Você é feliz?

Quem é feliz?

Sexo com amor ou apenas sexo?

Depende da parceira :B

Um personagem que você se identifique:

Todos \o/

Liso ou cacheado?

Liso, curto

Se pudesse ter nascido em outra época, qual seria?

Idade Média! Guerras de espada são mais justas

Escreva uma carta/bilhete para o seu "eu" passado:

Que inveja de vc! \o/

Na sua mochila/bolsa nunca falta:

Um livro
e sempre falta um lápis

Melhor viajem que já fez:

Ainda farei

Qual foi a última coisa que comeu?

Um amendoin japonês, exatamente agora

A pessoa que te indicou essa entrevista é?

A anã que eu mais amo *_*

Os próximos indicados:

Brainstorm
Metal Contra as Nuvens

11 de jul de 2009

Inútil Dormir a Dor não Passa


Para Um Dia Voltar
Alexandre Ferreira (AlxSeth)

Não sou mais um poeta
Os versos não se formam mais
Não sou mais um poeta
Agora escrevo sem inspiração

Quisera eu produzir beleza
Nessa poesia mal escrita
Formar imagens belas
Canções tão bonitas

Inútil dormir a dor não passa
A inspiração não vêm
A felicidade escorre pelo ralo
Não sou mais poeta

Defini todos os meus sonhos
E reproduzi todas essas falhas
Agora o meu lixo está cheio
Com o lixo que escrevi

Não sou mais poeta
Sou agora um só
Um só clone na sociedade
Um só homem só
Não sou mais poeta
A poesia fugiu de mim...

As Ondas são Anjos que dormem No Mar


Anjos do Céu
Álvares de Azevedo

As ondas são anjos que dormem no mar,
Que tremem, palpitam, banhados de luz...
São anjos que dormem, a rir e sonhar
E em leito d'escuma revolvem-se nus!
E quando de noite vem pálida a lua
Seus raios incertos tremer, pratear,
E a trança luzente da nuvem flutua,
As ondas são anjos que dormem no mar!
Que dormem, que sonham- e o vento dos céus
Vem tépido à noite nos seios beijar!
São meigos anjinhos, são filhos de Deus,
Que ao fresco se embalam do seio do mar!
E quando nas águas os ventos suspiram,
São puros fervores de ventos e mar:
São beijos que queimam... e as noites deliram,
E os pobres anjinhos estão a chorar!
Ai! quando tu sentes dos mares na flor
Os ventos e vagas gemer, palpitar,
Por que não consentes, num beijo de amor
Que eu diga-te os sonhos dos anjos do mar?

Citação do Dia

"A poesia não se entrega a quem a define."

Mário Quintana (Poeta, tradutor e jornalista brasileiro)

Brigas e Batalhas Começaram


Butterflies and Hurricanes
Muse (Letra Original em Inglês)

Mude
Tudo o que você é
E tudo o que você foi
Seu número está sendo chamado

Brigas
E batalhas começaram
Revanche virá rudemente
Seus tempos difíceis estão na frente

Melhor
Você tem que ser o melhor
Você tem que mudar o mundo
E usar essa chance para ser ouvido
Sua hora é agora

Não
Se deixe abater
Não se deixe ir
Sua última chance chegou.

7 de jul de 2009

O Sonho (História em Vermelho: Parte 7)



Tudo aconteceu tão rápido, a conversa de desconhecidos em um computador, as semelhanças encontradas rapidamente, as conversas seguintes, a primeira troca de olhar, o primeiro abraço timido de amigos, o primeiro abraço apertado, o primeiro beijo... O primeiro beijo que abriu portas e fechou tantas outras, o primeiro beijo que confundiu, que selou, o primeiro beijo que construiu e destruiu. Os sorrisos, o clima e o silêncio, tantas horas em tão pouco tempo, tanto tempo em tão poucas horas, ali nos encontramos e lá começamos a construir a nossa vontade de nunca mais nos largarmos...Lá escondidos das outras pessoas, Lá onde nasceu o nosso mundo, ali onde só nós importamos, então nos despedimos, cada qual foi pra seu lugar com tanta confusão na cabeça, mas com tantos sorrisos no rosto. Tudo continuou assim por um tempo, tudo continuou feliz e tranquilo, outro encontro... a ansiedade... o medo... um novo encontro... agora ainda mais intimo, ainda mais profundo... um encontro onde a luxúria e o carinho deram-se as mãos, um encontro onde nossos corpos foram um só, onde bateram juntos os nossos corações, onde nossas vozes se confundiam em gemidos e sorrisos. Ali nos marcamos mais fundo na carne um do outro. Agora você está confusa, e eu estou com medo, eu sorrio pra você, eu incito você a seguir, mas eu te quero aqui, sonhando o que eu sonho, querendo o que eu quero. Você realmente quer?
O texto chama-se Sonho, e apenas falei sobre a realidade... Agora eu paro, eu respiro, eu olho o céu e falo de sonhos... Sonho em vê-la todos os dias andando nua pela minha casa, em ver um sorriso quando ela vestida de mim andar por ai, em segurar a mão dela toda vez que andarmos pelo mundo. Sonho em criar uma estrada, onde nossas estradas andem juntas, sonho em tirar dela toda a tristeza dos seus olhos. Sonho em fazê-la sorrir a cada segundo, eu sonho muito... Sonho em cantar com ela as minhas músicas favoritas, em marcar nela cada poesia pra ela escrita, sonho em sonhar todos os dias, sonho alcançar todos os sonhos que sonhar. Quero realizar cada desejo e fantasia, quero contar nossa história em prosa, em poesia, em romance em coreografias... Quero ser pra ela a escuridão que mostra as estrelas, quero ser pra ela a luz que apaga os medos. Quero sorrir a cada sorriso dela, abrir os olhos a cada vez que ela estiver acordada, quero me molhar cada vez que ela estiver na chuva, quero me lavar toda vez que ela se sentir suja, quero dela ser o brinquedo, o travesseiro, o companheiro, o amor...

Sonhar é o que nos faz andar, nos faz lutar e amar. Eu sonho, eu me orgulho de sonhar...

5 de jul de 2009

Hão de Pousar em Tuas Mãos, as minhas


Sem Palavras
Florbela Espanca

Brancas, suaves mãos de irmã
Que são mais doces que as das rainhas,
Hão de pousar em tuas mãos, as minhas
Numa carícia transcendente e vã.

E a tua boca a divinal manhã
Que diz as frases com que me acarinhas,
Há de pousar nas dolorosas linhas
Da minha boca purpurina e sã.

Meus olhos hão de olhar teus olhos tristes;
Só eles te dirão que tu existes
Dentro de mim num riso d’alvorada!

E nunca se amará ninguém melhor;
Tu calando de mim o teu amor,
Sem que eu nunca do meu te diga nada!...

Em um Mundo de Ilusão


Eres Mi Religión
Maná (Letra Original em Espanhol)

Ia caminhando pelas ruas no profudo esquecimento.
Ia pelos parques com fantasmas e com anjos caidos.
Ia sem luz, ia sem sol,
Ia sem um sentido, ia morrendo.
Ia voando sobre o mar com as asas quebradas.

Ai, amor você apareceu em minha vida
E me curou as feridas.
Ai, amor, você é minha lua, meu sol,
Você é meu pão de cada dia.

Apareceu com tua luz.
Não nunca se vá,
Oh, não se vá, não
Você é a gloria dos dois,
Até a morte.

Em um mundo de ilusão,
Eu estava desiludido,
Eu estava abandonado,
Vivia sem sentido,
Mas você chegou.

Ai amor, você é minha religião.
Você é luz, você é meu sol.
Abre o coração, abre o coração.

Faz tanto tempo coração,
Vivi na dor e no esquecimento.
Ai, amor é minha benção, minha religião,
É meu sol que cura o frio.

Apareceu com tua luz
Não, não, não me abandone.
Não nunca meu amor.
Glória dos dois,
Você é sol, você é meu todo
Toda você é minha benção.

Em um mundo de ilusão,
Eu estava desiludido,
Eu estava abandonado,
Vivia sem sentido,
Mas você chegou.

3 de jul de 2009

Música!


Minha anã favorita, me indicou pra essa "brincadeira" e como eu sou no minimo educado, eu tenho que responder e indicar mais dois, então lá vai:

Regras:

O "Playlist" é uma campanha feita àquelas pessoas que vivem com trilha sonora. Porque boa vida, assim como um bom filme, tem trilha sonora! Enfim, é pra quem gosta de música! O objetivo é relaxar = gozar a vida com muito prazer! Para participar é fácil. Copie o selo, publique em seu blog e compartilhe seus gostos musicais, indicando:

01) A primeira música que lhe veio na cabeça agora!
Slow Hands - Interpol


02) 1 Música pra curtir com a paquera/namorado(rido/a)/amante/amigos com benefícios...;
E eu já começo a ficar em dúvida:
I Don't Wanna Miss a Thing - Aerosmith



03) 1 Música muito romântica (o que se pode dizer de: "seu tema de amor");
No momento : Comigo - Zeca Baleiro e The Hunter's Star - Shearwater



04) 1 Música pra tirar a roupa = striptease
Não sei o nome da música, então vai o video que tem ela:


05) 1 Música para uma boa transa (a transa pode até ser ruim, mas a música ótima);
Vou indicar um álbum: o álbum é o Dummy do Portishead


06) 1 Música "I WILL SURVIVE" = hino gay!
YMCA - Village People



Clássico dos clássicos *dança*

Vale a pena citar também



07) 1 Música que saiu do lixo / ou pra jogar no lixão;
Qualquer música de Sertanejo

08) 1 Música que você ama, mas o DJ insiste em não tocar na balada;
Eu não vou em baladas. Acho que eu ia gostar se voltassem os bons tempos de Bee Gees e Dance, nunca iriam tocar =(



09) 1 Música da hora (música que está na moda e vc adora!);
Smooth Criminal - Michael Jackson (todas as músicas dele voltaram a moda, então minha favorita)



10) A música que você mais gosta em todo mundo!
No momento é: Eu Te Amo - Chico Buarque



E The Bitter End - Placebo




E os indicados são os Blogs

Brain Storm do Zé
e Metal Contra as Nuvens da Feefeh

2 de jul de 2009

Citação do Dia

"Aquele que duvida e não investiga torna-se não só infeliz, mas também injusto. "

Blaise Pascal (Físico, religio e matemático francês)

A Incerteza (História em Vermelho: Parte 6)


As palavras estão fugindo pelas janelas, sendo queimadas por suas musas e a tinta vai acabando por riscar o que já foi escrito. Mais uma folha arrancada do que poderia vir a ser um bom livro, menos idéias e mais aborrecimentos, a frustração é companheira assidua de vários filmes. O telefone toca, é ela, fala rápido, me tira do fundo do poço e fala rápido, diz me amar e me joga lá embaixo de novo... Lembro do vermelho dos cabelos dela, contrastado com o branco de sua pele, ela reflete toda, é um anjo, um belo e destruidor anjo. Relembro o cheiro dela antes de dormir, o sorriso e o riso, relembro o toque das mãos dela, dos lábios, do corpo. Talvez, só me reste lembrar, usar disso enquanto ainda está na minha cabeça, nos meus dedos, enquanto ainda está em mim. Tenho um futuro de incertezas pela frente, não sei quantos personagens mais irão surgir nessa história, não sei quantos amantes mais vão se formar, não sei de nada, não sei quanto tempo irá passar até tudo ser decidido. E não saber me enche de um sentimento que não sei definir. Lanço mais uma vez as perguntas, e as respostas só trazem mais perguntas. Quero acabar com tudo isso, fugir e começar do zero novamente, seria o melhor a fazer, mas algo no ar me diz pra ficar e tentar, sempre tentar. As forças não duram pra sempre e até o mais forte dos sentimentos morre com o tempo e com o que temos como certeza do que acontece no momento.

O mundo é tão incerto quanto previsões de uma cigana, o amor é tão incerto quanto o coração de um transplantado, a vida é apenas um dado, sempre sendo rolado.

Ela Continua Esperando Pelo Tempo Lá Fora


Narc
Interpol (Letra Original em Inglês)

Toque suas coxas
Eu sou o solitário
Lembre-se do ultimo suor, pois aquele foi o certo
Oh, todos os seus mistérios estão se movendo no sol
Eu demonstro algum amor e respeito
Quero receber algum amor e respeito
Baby você pode perceber que o olhar fixo não mente
Não desista do seu amante hoje a noite
Pois é apenas você, eu e esta linha, tudo bem
Vamos mover para a sua maquina esta noite

Oh

Ela cria um som solitário
Ela continua esperando pelo tempo lá fora
Oh amor, você pode me amar baby?
Amor, isto é amor baby?
O tempo está passando
Feche seus olhos, eu sou o único
Controle-me, console-me
Pois isso é exatamente como deveria ser feito
Oh, toda a sua história é como a faísca do disparo de uma arma

Eu demonstro algum amor e respeito
Não quero ter uma vida de arrependimentos

Baby você pode perceber que o olhar fixo não mente
Não desista do seu amante esta a noite

Ela cria um som solitário
Ela continua esperando pelo tempo lá fora
Oh amor, você pode me amar baby?
Amor, isto é amor baby?
O tempo está passando

Ele entra no quarto
E você sabe que ele sente falta, bem
Velhos nomes, nós faremos alguns
Nós nos sustentaremos pela noite
Dentro do meu quarto baby
Toque-me, oh hoje a noite
Poses logo nós as faremos
Revivendo nosso senso de luz

Você deveria estar em meu espaço
Você deveria estar em minha vida
Você deveria estar em meu espaço
Você deveria estar em minha vida
Você poderia estar em meu espaço